Rafting é um esporte competitivo no qual o objetivo é navegar todo o percurso de corredeiras do rio usando um bote inflável, que fornece mobilidade e melhores condições para o trajeto.

É considerado um esporte radical que é altamente desafiador e requer trabalho em equipe. O rafting também é uma atividade recreativa muito popular praticada na maioria dos países ao redor do mundo.

Todas as corridas de rafting são realizadas em cursos de rios naturais que levam os praticantes através de corredeiras.

As modalidades do Rafting

Existem dois tipos diferentes de eventos realizados para a prática de rafting, que são os seguintes:

  • O Sprint: realizado em um formato individual ou em um formato de cabeça-a-frente. Os pilotos devem completar o percurso através da melhor rota possível. O segundo conta com um guia que vai na frente do bote;
  • O Slalom: neste tipo de prática de rafting, o curso possui diversas curvas nas quais os praticantes têm que navegar com sucesso para que possam completar o trajeto.

As corridas de rafting são em equipes nas quais participam de 2 a 8 pilotos. Independentemente do tipo de corrida, o objetivo é completar o curso no tempo mais rápido possível.

A Federação Internacional de Rafting é o órgão de governo mais alto para o esporte, responsável por conduzir competições e é responsável por popularizar o esporte.

O Campeonato Mundial de Rafting é o evento de mais alto nível realizado para o esporte. As corridas são conduzidas a categoria aberta e também para pessoas de diferentes faixas etárias, tanto para homens como para mulheres.

Quais são os equipamentos necessários para a prática de Rafting?

Como todos os tipos de esportes de aventura, o Rafting também requer a prática com equipamentos especializados para que possa ser executado o percurso com segurança.

Confira os principais equipamentos necessários para a prática:

  • Colete salva-vidas com flutuabilidade mínima de 7,5 kg;
  • Capacete com fivela;
  • Calçado;

Para que o trajeto seja realizado completamente sem nenhum tipo de percalço ou danos ao bote ou aos praticantes, é preciso que haja um diretor das competições para que elas sejam pausadas quando for detectado qualquer sinal de perigo.

Como são realizadas as provas de Rafting?

De forma geral, todas as provas e competições são baseadas nos níveis de experiência e habilidades dos praticantes das atividades, permitindo uma condição nivelada para que as provas sejam justas.

  • Novatos: Para os novatos, as ondas são mínimas e a correnteza é suave, apresentando pouca dificuldade;
  • Iniciantes: É preciso que os participantes já possuam conhecimento superficial que será desenvolvido na prática a respeito das manobras que são necessárias para o percurso, que contém poucos obstáculos e cujo trajeto pode ser previsto com facilidade. Ainda assim requer resistência e força;
  • Intermediário: A navegação é realizada com altas e irregulares ondas. É preciso de grande habilidade para que o bote possa ser conduzido por trajetos estreitos e que apresentam maior dificuldade para os praticantes. Também é preciso saber que nesse nível de provas há o risco de capotar com o bote;
  • Avançados: Os rios têm águas agitadas. Oferece maior dificuldade para o percurso, além de conter um trajeto muito mais longo que também exige resistência.

É preciso passar por todos os níveis para que se possa adquirir as habilidades necessárias, conseguindo realizar com segurança todos os trajetos em cada nível.

É possível se divertir extremamente e com altas doses de adrenalina ao praticar o Rafting. Mas lembre-se sempre de manter todos os equipamentos e procedimentos preservados com o maior nível de segurança possível para todos!